Como calcular o lucro de um produto (bruto e líquido) e por que calcular?

Como calcular o lucro de um produto (bruto e líquido) e por que calcular?

Como calcular o lucro de um produto é uma pergunta frequente entre muitos empresários e empreendedores no Brasil e no mundo. Por isso, no artigo de hoje você confere como fazer esse cálculo e a importância de conhecer o lucro da sua empresa. 

Lembrando que o lucro é todo ganho ou vantagem financeira obtidos pelo empreendimento, ou seja, ele é o retorno positivo de um investimento, deduzido dos gastos que essa empresa teve.

Qual a diferença entre lucro, lucratividade e rentabilidade?

Para entender a diferença entre esses três termos tão importantes dentro do financeiro, você precisa conhecer a definição de cada um. 

O lucro é a diferença entre receitas e despesas na realização de uma empresa. Já a lucratividade demonstra se as operações do negócio estão se pagando e se mesmo assim ainda sobra algum percentual. Assim, ao contrário do lucro, ela é calculada com base nas receitas totais e no lucro líquido. 

Já a rentabilidade vai depender da capacidade do empreendimento na geração de retorno financeiro que seja baseado nos recursos que foram investidos.

Por que calcular o lucro?

A principal importância de calcular/conhecer o lucro é conseguir criar um planejamento financeiro e estratégico para o desenvolvimento da sua empresa. O lucro é o responsável por permitir a implementação de investimentos para que a empresa possa aprimorar suas áreas e setores. 

Isso inclui investimento em conhecimentos, processos, tecnologia, novos materiais e também profissionais especializados. Por isso é tão importante saber quanto o seu negócio está lucrando. 

É possível ter lucro maior que 100%?

Muitos empresários, principalmente os iniciantes, costumam se fazer essa pergunta. Para entender a resposta dela, é necessário, primeiro, compreender que  lucro é a diferença entre o preço de venda e os gastos para produzir e ofertar o produto.

Assim, o lucro é o valor, em unidade monetária, que fica para a empresa. Já a margem de lucro de um produto ou serviço é um o percentual que vai ser adicionado aos gastos, na hora de definir o preço de venda, que inclui também o valor total do produto. Dessa forma ele nunca é maior que 100%.

Como calcular o lucro de um produto para venda?

De forma simples e prática, para calcular a margem de lucro de um produto, você precisa saber que o lucro é a diferença entre o faturamento obtido com as vendas de um produto ou serviço e os custos que a empresa teve durante o trabalho. 

FÓRMULA: lucro bruto = receitas totais – custos

Já nos casos, que o empresário quer calcular o lucro de um período específico, por exemplo de um mês, a fórmula é a mesma. A ideia é somar todo o faturamento desse período e, desse total, subtrair todos os gastos da realização dos serviços. Assim, o que sobrar será o lucro desse período.

Como calcular o lucro bruto?

Para descobrir o lucro bruto de um serviço, produto ou da sua empresa, o primeiro passo é saber que ele é determinado de acordo com os valores gerados pelo negócio em questão, ou seja, a diferença entre a receita total e os custos variáveis. 

Assim, os custos variáveis são os que tiveram alguma alteração, por exemplo por volume ou quantidade, como é o caso das matérias-primas ou comissões de vendas, contas de água e luz. Nesses casos não são deduzidos os custos fixos, como o aluguel do imóvel que é a sede da empresa. 

Exemplo prático: 

Receita total de R$2.000,00, por exemplo, e gasta R$200,00 para manufaturar um produto, o lucro bruto é de R$1800,00.

Como calcular o lucro líquido?

Quando falamos em lucro líquido, estamos falando de um serviço ou de um produto que é originado a partir do lucro bruto da empresa, subtraído pela tributação e também pelas despesas fixas e variáveis. 

A fórmula é a seguinte: 

Margem líquida = Lucro líquido após os impostos / Receita total x 100.

Isso mostra que o lucro líquido é o rendimento que uma empresa possui, que foi determinado por meio da diferença entre a receita total e o custo total. Esse lucro líquido é o ganho da empresa depois da realização de todos os descontos obrigatórios.

Como calcular o lucro esperado?

Para ter uma ideia do lucro que seu produto, serviço ou empresa pode gerar, o ideal é calcular uma margem de lucro projetada. 

Esse cálculo é feito a partir da fórmula: lucro dividido pela receita total e multiplicado pelo resultado multiplicado por 100. 

Como calcular o lucro real?

O Lucro Real representa um regime de tributação que calcula o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido. Ele é feito com base no lucro real da empresa, que significa receitas menos despesas, levando em conta os ajustes previstos em lei.

Como a tecnologia pode te ajudar

Atualmente no mercado existem sistemas de gestão financeira que possibilitam que seja possível acompanhar as entradas e saída da empresa de maneira automática e estratégica.

Esse acompanhamento que costuma ser por meio de relatórios personalizados, permite que o empresário tenha acessos aos números que apontam quanto ele está lucrando em determinado período ou qual projeção ele pode estabelecer para alcançar determinado objetivo.

A Celero ajuda muitas empresas em todo o Brasil a otimizarem seus financeiros e tornarem seus dados muito mais estratégicos.

Conclusão

Agora que você entendeu o real significado de lucro e como calcular os diferentes tipos existentes, já pode começar a praticar as dicas deste artigo na rotina da sua empresa. 

Ter lucro é o objetivo de todo empresário, mas para alcançá-lo é necessário planejamento e organização financeira. 

Gostou do artigo? Compartilhe com amigos e nas suas redes sociais! Toda semana você confere conteúdos exclusivos sobre finanças e gestão empresarial aqui no Blog da Celero. 

Quer deixar sugestões de temas ou tirar dúvidas? É só escrever nos comentários desta publicação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *