Qual é a diferença entre produto e serviço e o que é melhor?


Para entender qual a diferença entre produto e serviço, o primeiro passo é entender o que cada um deles significa de maneira prática. Sem falar que muitos empresários ficam em dúvida quando vão investir em algum negócio e precisam decidir se vão ofertar um produto ou serviço

Exatamente por isso, no artigo de hoje, você vai conferir a diferença entre os dois e descobrir se existe um que seja melhor ou mais lucrativo para começar uma empresa. 

Produto ou serviço?

A seguir você confere a diferença teórica entre produto e serviço e ainda aprende o significado de sistema operacional, que é outra categoria também comercializada no mercado. 

O que é produto?

O produto consiste em algo que reúne atributos específicos, que podem ser tangíveis ou intangíveis, e foram criados ou desenvolvidos a partir de um processo de produção. O objetivo dela é atender as necessidades reais de alguém ou de uma empresa, e, na maioria das vezes, sendo negociado no mercado, por um determinado valor financeiro, o que torna esse produto uma mercadoria.

O que é um serviço?

Serviço é uma atividade prestada por alguém, que atende a necessidade de outra pessoa ou empresa, mas não é um bem material físico. A prestação de serviços é a realização de um trabalho que foi contratado por terceiros, podendo ser pessoa física ou jurídica. Exemplos disso são: assessorias, consultorias, limpeza de estabelecimentos, manutenção de equipamentos, segurança de bens e serviços ou até mesmo de pessoas. 

O que é um sistema operacional?

O Sistema Operacional é a nomenclatura que define um ou mais programas que tem como função, gerenciar e administrar recursos de um sistema e fornecer uma interface entre um computador e o usuário que está utilizando essa máquina. Por exemplo, um software de gestão financeira como a Celero. 

Qual é a diferença entre produto e serviço?

Para entender de maneira simples e estratégica a diferença entre produto e serviço, você precisa compreender que produto representa toda e qualquer mercadoria que está à venda e possui um prazo de validade, por exemplo aparelhos celulares e pacotes de feijão. 

Já quando falamos em serviço, estamos citando algo que não é tangível, tocável, e sim ações oferecidas por uma pessoa ou empresa para outra empresa ou outro consumidor específico, como é o caso de uma consultoria financeira.

Exemplos de empresas que oferecem produtos e serviços

Agora que você já entendeu na teoria o que é cada um desses termos, que tal conhecer alguns exemplos de empresas que oferecem produtos e serviços? Nos próximos tópicos te apresentaremos algumas: 

Magazine Luiza

A empresa Magazine Luiza ou Magalu é um grupo empresarial físico e digital do varejo brasileira, atualmente é uma plataforma multicanal, que comercializa produtos. Nela você encontra itens como celulares, televisores, brinquedos e outros utensílios que se enquadram como produto. 

Netflix 

A Netflix é um streamer ou em protuguês, serviço de transmissão, e como o nome já diz, é um exemplo de empresa que comercializa serviços e oferta ao público. Ela é uma provedora global de filmes e séries de televisão e atualmente possui mais de 208 milhões de assinantes. As pessoas pagam pelo serviço que ela oferece, cada assinante é um cliente. 

Celero

A Celero é uma plataforma de automação financeira que reduz o tempo gasto com tarefas bancárias e na organização do financeiro de pequenas e médias empresas em poucos passos e de forma eficiente. Ela é um exemplo de sistema operacional, a empresa oferece um software que vai ser usado por outras empresas. Você pode conhecer a celero clicando no banner a seguir: 

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é XBgO_Ro7dcwkCO3gTPyTeobTKllLZsKFjKh6j0dmJgH_vjw5AljkFQ39BaVNc7K-poynvcLb_Msg0f8nv7DIxLJXpaQrHPN1cRiSrlTpmKGmEihvsjnvq8vkkq5L0Uva_kxqsMYr=s0

O que é melhor vender, produtos ou serviços?

Para essa pergunta não existe uma resposta correta. A grande questão é a forma que você vai vender o produto ou serviço ofertado. 

Sem falar que em ambas as opções a qualidade é o diferencial de escolha do cliente, como também o preço cobrado. Por isso, esses são fatores que devem ser levados em conta para definir o preço do produto ou serviço

Além disso, o empresário precisa ter certeza que a matéria prima do produto é de fácil acesso e distribuição e se ele é especialista o suficiente para prestar determinado serviço, como consultoria financeira, por exemplo. 

Conclusão

Agora que você aprendeu qual a diferença entre produto e serviço, que tal compartilhar este conteúdo com outras pessoas que você conhece e também querem saber mais sobre. 

Não esqueça que toda semana você confere artigos exclusivos sobre finanças e gestão financeira aqui no Blog. 

Você também pode deixar sua opinião nos comentários e sugerir outros temas que gostaria de ver por aqui e ajudariam sua empresa na prática. 

Isabela de Meneses

Analista de Conteúdo na Celero, graduada em Comunicação Social com Bacharelado em Jornalismo pela UFPI, especialista em Gestão de Marketing pela UP e apaixonada por estratégias de conteúdo digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Follow Me