Retenção de talentos: 5 medidas para implementar e evitar prejuízos

Retenção de talentos: 5 medidas para implementar e evitar prejuízos

Ao contratar, todo empresário tem como objetivo construir um quadro de funcionários que agregam valor à empresa.

Para que isso aconteça os recrutadores buscam por profissionais que possuam algum diferencial e que estejam em sinergia com a cultura e o momento da empresa.

No entanto, o esforço não deve ser dedicado apenas para atrair as pessoas certas, mas também em retê-las.

Devemos falar em retenção de talentos principalmente por conta da rotatividade de funcionários dentro de uma organização. A alta rotatividade é responsável por dificultar a construção de uma equipe sólida e competente, sem contar os prejuízos financeiros que pode gerar.

Ter um planejamento bem estruturado, assim como fazer a previsão de custos e despesas da empresa, é essencial para o sucesso do seu negócio. Pensando assim, torna-se possível investir em retenção com ações que estejam dentro da realidade financeira de sua empresa.

Veja 5 medidas que você, pequeno ou médio empresário, pode começar a implementar para evitar prejuízos relacionados a alta rotatividade.

1) Plano de carreira

Não é por acaso que esse é o primeiro tópico: o plano de carreira proporciona ao funcionário uma visão a longo prazo, um propósito na empresa. É visualizando oportunidades potenciais que ele se manterá motivado e buscará capacitar-se cada vez mais para ocupar outras posições futuramente dentro da sua empresa.

É importante lembrar que a transparência nos processos de promoções internas também é fundamental!

2) Clima organizacional

Use como aliada a proximidade que é possível ter com seus funcionários dentro de uma pequena e média empresa.

Aproveite para conhecer melhor a sua equipe e trabalhar na realização de ações que promovam um clima organizacional agradável e a integração entre  pessoas.

Lembre-se, a equipe se torna um espelho do líder. Então é fundamental que você esteja engajado na promoção de um ambiente leve, respeitoso e humano para que todos respondam da mesma forma.

3) Autonomia

Um funcionário consegue se manter motivado por muito mais tempo quando sente que tem a confiança do seu líder. Isso acontece quando ele tem autonomia para desenvolver projetos, inovar ou expor ideias importantes para a empresa. Sempre que possível estimule essa prática!

4) Reconhecimento

Reconhecer os esforços de seus funcionários estimula a vontade de mostrar resultados cada vez melhores.

Promova a cultura do feedback, elogie, recompense materialmente se for possível (ainda que seja esporadicamente). Isso faz com que seus melhores talentos sintam-se parte importante nos processos de sua empresa.

5) Comunicação

Ser transparente na hora de comunicar-se com seus colaboradores faz toda a diferença!

Essa prática evita um possível clima de desconfiança e insegurança. O ideal é estabelecer uma rotina de comunicação que seja clara com relação aos resultados, indicadores internos e metas da empresa.

Cuidar das pessoas é tão importante quanto cuidar das finanças de sua empresa, por isso faça da retenção de talentos um investimento contínuo e colha os frutos tendo uma equipe consistente e motivada!

Sobre a Celero

A Celero é uma plataforma de automação financeira que oferece os recursos de um sistema de gestão de alta tecnologia e a capacidade técnica de especialistas da área financeira que acompanham as rotinas diárias de seu negócio. Oferecemos tempo para que o empreendedor se dedique a atividade chave do negócio e dados para auxiliar a construir a melhor estratégia possível para empresa.

Clique aqui e descubra como otimizar o tempo que você gasta com a gestão financeira empresarial.


Foto KyviaKyvia Carvalho
People Operations
É formada em Psicologia e possui MBA em Gestão de Recursos Humanos. Acumula experiências na área de Recrutamento e Seleção em multinacionais e consultorias de RH.