Centro de Custo: O que é e como impacta o financeiro da sua empresa

Centro de Custo: O que é e como impacta o financeiro da sua empresa

No artigo de hoje vamos falar sobre Centro de Custo e para começar você precisa entender que realizar uma boa gestão é uma tarefa árdua e um desafio constante para o empreendedor.

A pressão por resultados positivos e a exigência do mercado por serviços e produtos de qualidade demandam decisões rápidas e precisas.

A falta de cuidado ou desatenção em pequenos detalhes podem ser decisivas, ocasionando problemas estratégicos dentro do negócio.

O que é o centro de custo

O centro de custo é basicamente uma informação com um propósito específico dentro da empresa: fazer a separação de possíveis meios de comparação.

Essa informação tem o intuito de definir o que está de fato trazendo maior lucro, menor ou maior prejuízo, e o principal, se o seu produto ou serviço está sendo rentável.

Essa análise é de extrema importância para compreender informações valiosas para o seu negócio, como por exemplo, dados de voz informados pelos clientes através de ligações telefônicas que podem nortear tomadas de ação em diversos setores da sua empresa.

Portanto, esse método de análise pode te auxiliar na resolução de problemas como:

  • A busca incansável e improdutiva por dados analíticos da empresa;
  • Dúvidas na precificação;
  • Coleta de informações precisas e confiáveis;
  • A dúvida na rentabilidade de um produto ou projeto.

Como aplicar o centro de custo

Para adaptação do método de análise por centros de custos é necessário descobrir em qual situação você se enquadra. Responda algumas perguntas que vão te ajudar a encontrar o caminho certo.

Neste cenário, a utilização de ferramentas avançadas de gestão é fundamental para o sucesso do seu empreendimento.

No mercado existem ferramentas que atuam nos mais diversos setores dentro de uma empresa e que otimizam a execução de tarefas que vão desde análise de chamadas telefônicas até automações financeiras.

Uma delas é a implantação de um método de análise por meio de centro de custo, ou seja, a maneira de organizar um conjunto de contas (receitas, custos ou despesas) que têm um ou mais fatores em comum, permitindo uma melhor análise do negócio.

O fator em comum pode ser, por exemplo, um cliente, projeto ou unidade de negócio. Desta forma, é possível analisar a performance deste centro de custo de maneira adequada.

Como definir o que é centro de custo

3 benefícios do Centro de Custo para o seu financeiro

  • O bom uso de um centro de custos facilita inúmeros processos na administração empresarial. Com a sua utilização adequada, é possível analisar com assertividade os dados da empresa, a partir de informações mais claras e acessíveis.
  • Como resultado, a empresa adquire uma mentalidade moderna e eficiente, a partir do gerenciamento dos gastos futuros de uma forma mais séria, equilibrada e eficaz, potencializando os resultados positivos.
  • Entender o centro de custos significa conhecer melhor o funcionamento interno e suas margens de lucro. Afinal, de nada adianta fechar um contrato com alto faturamento, se em contrapartida, a empresa tiver que intensificar esforços de suas áreas mais onerosas, sendo necessários recursos maiores para a execução do projeto – o bom uso da gestão por centro de custos ajuda a evitar esse tipo de situação.

Sua empresa possui diferentes produtos ou filiais?

Se você trabalha com vários produtos ou várias filiais, o centro de custo mais indicado é por unidade. O centro de custo por unidades tem um objetivo específico que é a comparação e viabilidade.

Se você possui 4 produtos, com a classificação de centro de custo será possível ver quais destes produtos gera mais lucro.

Um exemplo prático para referenciar a situação é uma empresa de roupas que além da matriz possui mais duas filiais.

Todos os gastos e recebimentos são encaminhados diretamente a matriz, que cuida de todo o financeiro. O centro de custo é definido por filial, “Filial001” e “Filial002”.

No fim do mês um demonstrativo irá informar todos os gastos e recebimentos efetuado no período, além das despesas fixas e o fornecimento de estoque são semelhantes entre as duas filiais.

Com esse demonstrativo é possível avaliar que a Filial001 está abaixo na comparação com a Filial002, pois ela teve prejuízo.

Dessa forma é preciso analisar se novos ajustes são necessários ou até adotar um posicionamento diferenciado.

Para isso identifique o que está gerando as diferenças e busque por um padrão nas operações ou algum direcionamento vinculado ao marketing.

Assim, existem várias possibilidades de comparação e análise a serem feitas com os dados coletados.

Conclusão

A interpretação do centro de custo é a mesma: comparação, verificação de viabilidade e rentabilidade, mas pode ser feita com um objetivo específico conforme citado nos exemplos acima.

Adote esses métodos na sua empresa e tenha informações muito mais claras para tomar as decisões corretas.

Não deixe de dizer sua opinião nos comentários. Todas as semanas você confere conteúdos exclusivos aqui no Blog.

Banner ilustrativo para agendar horário com a Celero